Compartilhe:

O que é isso? O que ela faz? Como criar uma?

O que é uma hashtag?
A hashtag do Twitter é simplesmente uma frase-chave, por extenso, sem espaços, com um sinal de sustenido (#) na frente dela. Por exemplo,  #preconceitotofora e #EuAmoChocolate são ambos hashtags.

O que faz uma hashtag?
A hashtag do Twitter une as conversas de usuários diferentes em uma linha única, que você pode encontrar pesquisando a hastag na busca do Twitter ou usando uma ferramenta de monitoramento de terceiros, tais como HootSuite.

Assim, se os usuários do Twitter que não estão de alguma forma conectados falarem sobre o mesmo tema usando uma hashtag específica, seus tweets aparecerão no mesmo fluxo. Desse modo, as hashtags do Twitter resolvem um problema de coordenação e facilitam uma conversa. Muitas vezes se tornam tendências –  trending topics – tantas pessoas estão falando que eles são uma “tendência”.

Hashtags são ótimas para centralizar em torno de conversas ao vivo, em pessoaeventos ou conferências, webinars ou outras campanhas de marketing que você esteja promovendo.

Como criar uma hashtag?
Ao contrário do que se poderia pensar, você não precisa de ferramentas para criar uma hashtag. Hashtags são simplesmente texto, e elas podem ser colocadas no início, meio ou no final de um tweet. Basta decidir sobre a palavra-chave que você quer, colocar um sinal de sustenido (#)  na frente dela, e está tudo pronto!

Apesar de hashtags do Twitter serem rápidas e fáceis de criar, há algumas armadilhas e você pode cair. Vamos olhar para estas possíveis armadilhas e algumas das melhores práticas para manter em mente se você está pensando em criar uma hashtag para apoiar seus esforços de marketing.

 

Melhores práticas para usar hashtags no Twitter 

1) Verifique se é nova
Depois de decidir sobre uma palavra ou uma frase, procure-a. Visite search.twitter.com e digite sua hashtag na caixa de pesquisa. Você conseguiu algum resultado? Verificou se alguém já está usando essa hashtag para um evento ou campanha?

Se houver muita conversa em torno dela, você pode querer rever a sua decisão e escolher algo que não esteja em uso. Dessa forma, você irá reduzir as chances de pessoas que não fazem parte de seu público-alvo diluam a conversa que você deseja realizar.

2) Escolha palavras-chave da indústria ou marca
Hashtags também podem ajudar a comunicar uma mensagem para aqueles que não estão ativamente a procura delas. Por exemplo, se alguém que você está seguindo twittar sobre um evento usando uma hashtag, você ainda será capaz de ver as suas atualizações em seu Twitter principal sem acessar a conversa inteira. Em outras palavras, você será capaz de ter um vislumbre do que estão twittando sobre e ligar rapidamente o conteúdo do tweet para a hashtag que eles estão usando. E se a hashtag reflete uma palavra-chave da indústria ou de marca que é interessante para você, pode estar inclinado a conferir o resto da conversa que está acontecendo ao seu redor da hashtag, uma vitória para quem a criou!

3) Tome cuidado com Sentimentos
Um monte de políticos e grandes marcas têm experimentado fracasso no Twitter escolhendo hashtags que incluem a palavra “amor” nelas. O amor é uma palavra forte, por isso, se você está colocando na boca de seus seguidores, certifique-se que realmente há amor. Caso contrário, eles podem se voltar contra você e causar uma controvérsia maior. Por exemplo, a campanha de Mitt Romney no Twitter que lhe desejava um feliz aniversário também atraiu um monte de comentários críticos. Se você está apenas começando, escolha algo neutro, que simplesmente reflete o seu tema ou campanha.

Além disso, cuidado com campanhas com hashtags que têm o potencial de ser abusadas pelos usuários. A campanha #McDStories do McDonald’s, que foi lançada como uma maneira de compartilhar histórias divertidas sobre a experiência das pessoas no McDonald’s, é um grande exemplo de uma escolha de hashtag errada. O que o McDonald’s não previu foi pessoas que compartilham histórias negativas sobre a marca McDonald’s, e foi exatamente isso que aconteceu. Qualquer que pessoas que procuraram por “McDStories” encontraram imediatamente milhares de tweets que descreviam as experiências terríveis que os clientes tiveram com o McDonald’s.

A conclusão aqui é considerar as outras maneiras que as pessoas poderiam interpretar sua hashtag.

4) Promover a hashtag por incorporá-la em outros canais de comercialização
A hashtag só é útil se as pessoas sabem sobre ela. Então, para começar a gerar conversas através de sua hashtag, comece a falar sobre ela. Por exemplo, cada vez que um evento é promovido, pode-se adicionar a hashtag do evento a assinatura de e-mail, peças de comunicação e o apresentador do evento (uma palestra, por exemplo) deve lembrar os participantes da hashtag no início do evento ao vivo.

5) Não “sequestre”  hashtags de situações delicadas
Usar hashtags projetadas para questões sérias e sensíveis pode levar a algumas consequências muito ruins. O designer Kenneth Cole, por exemplo, tentou inserir sua marca em conversas sobre as questões do Egito. Através deste tweet, Kenneth Cole tentou sequestrar a hashtag #Cairo na tentativa de promover sua coleção de primavera. Sua mensagem foi recebida com desaprovação pública forte e a crítica da mídia. Como David Meerman Scottdiz: “Não tente pegar carona na notícia quando transmite uma informação extremamente negativa, como as mortes de pessoas.”

Abaixo está a posição oficial do Twitter quando se trata de abuso de hashtag. Como você pode ver, há mais em jogo do que apenas uma promoção:

“Os seguintes comportamentos podem fazer com que a sua conta seja bloqueada nas buscas ou até mesmo suspensa:

  • Adicionar um ou mais tópicos ou hashtag para um tweet relacionado em uma tentativa de ganhar a atenção na pesquisa.
  • Repetidamente twittar o mesmo tema ou hashtag sem adicionar valor à conversa na tentativa ganhar o trending topic, tendências.
  • Twittar sobre cada tópico de tendências, por sua vez, a fim de direcionar o tráfego para o seu perfil, especialmente quando misturado com publicidade.
  • Listar os trending topics em combinação com um pedido para ser seguido.
  • Twittar sobre um trending topic e postar um link enganoso, algo não relacionado. “

6) Seja breve
Certifique-se de manter a sua hashtag curta e fácil de lembrar.

Lembre-se que os usuários do Twitter tem apenas 140 caracteres em cada tweet, com ou sem uma hashtag. Ao manter a hashtag breve, você vai deixar para seu público algum espaço para incluir mais comentários sobre seu conteúdo.

Você tem alguma dúvida ou comentário sobre esse assunto?

Via Hubspot Blog

3 Comments

  1. Entendi. Só um problema: como utilizar uma hashtag dentro de um site que já existe determinada hashtag? Não estou conseguindo!

  2. Pingback: #Hashtag: a curiosa história de um dos símbolos mais conhecidos do mundo | Internet Curiosities

Write A Comment