Compartilhe:

Muitos artigos descrevem como criar um perfil no LinkedIn mais interessante, como encontrar os grupos certos, como escolher a melhor foto de perfil, mas para realmente aproveitar o poder dessa rede social, confira e evite os erros mais comuns no LinkedIn:

1. Você faz apenas porque você espera receber em troca

Conecte-se com as pessoas no LinkedIn e você poderá escrever uma recomendação que será exibida em seus perfis. Isso é incrível, a menos que você só esteja dando recomendações, porque você quer uma em troca. Então é ruim.

Escreva recomendações sinceras. Recomende porque você quer, não porque você espera receber uma recomendação em troca. As pessoas que conhecem e respeitam você podem devolver o “favor”. Se sim, ótimo, se não, tudo bem. De qualquer maneira pense que você deve dar crédito a quem é realmente devido.

2. Você não se comunica com todos

O bom networking é baseado em dar, não receber. Endossos são uma maneira fácil de interagir, de se conectar com os outros. Endosse habilidades de outra pessoa, você também pode ajudá-los a aparecer nos resultados de busca.

Mostre que você respeita suas habilidades. Claro, isso pode ser um movimento de bom networking, mas fazer com que outras pessoas se sintam bem consigo mesmas é motivo suficiente.

3. Você espera até que você tenha uma necessidade

Se você não se importa em fazer conexões sólidas até o dia que você precisa de algo – clientes, funcionários, um trabalho, ou apenas uma rede melhor – então você esperou muito tempo. Pense onde você um dia quer estar e comece agora a construir as conexões, a rede e os seguidores que vão apoiar esses objetivos.

A construção de boas conexões é um paralelo, não uma tarefa de série. Mais tarde é sempre tarde demais.

4. Você se esquece de onde você está

A maioria das pessoas usa o LinkedIn como uma plataforma profissional de mídia social. Então, quando você quiser deixar comentários, compartilhar material, pense que você nunca sabe quando um potencial empregador, empregado, fornecedor, cliente pode notar.

5. Você ignora os sinais

O LinkedIn claramente aspira a ser mais do que um lugar onde milhões de profissionais fazem conexões.

Em menos de dois anos o LinkedIn Today tornou-se um agregador de notícias extremamente poderoso. Ter um artigo em uma página de categoria gera uma inundação de tráfego; ter um artigo na página inicial pode derrubar seus servidores.

LinkedIn Today agora oferece conteúdo original de “líderes de opinião” e permite que você – se você estiver conectado à pessoa ou não – possa seguir esses indivíduos, comentar diretamente em suas mensagens, compartilhar seus conteúdos com a sua rede, etc. Atualmente, apenas “influenciadores” podem ser seguidos (Richard Branson tem mais de um milhão), mas é seguro assumir que um dia todos os usuários serão capazes de postar diretamente seu próprio conteúdo e construir seus próprios seguidores.

6. Você não compartilha

A maneira mais fácil de atualizar frequentemente e “personalizar” o seu perfil é compartilhar. Artigos, posts, vídeos, o que você compartilha aparece no feed de atividades e faz com que outras pessoas tenham ideia do que você lê, o que te interessa e assim podem aprender um pouco mais sobre você.

Além disso, suas conexões podem responder curtindo ou comentando.

7. Você não se importa

Quer saber o que suas conexões, sua rede, ou o seu público acha importante? Quer um melhor senso de interesses e perspectivas do que você compartilha? Compartilhe e depois veja o seu feed de atividades. Veja o que as pessoas curtem. Leia os comentários.

A única forma de conhecer melhor as pessoas é ouvir o que eles têm a dizer. Torne mais fácil ouvir: compartilhe, veja o que não funciona. É a maneira perfeita de obter feedback direto e construir conexões mais fortes.

8. Você ignora sua rede

Relações e referências são maneiras poderosas de manter as portas abertas. As pessoas que trabalham com você têm grandes redes. Procure novas conexões dentro de sua própria rede.

9. Você é genérico

Sim, você é muito ocupado, mas tome um pouco do seu tempo e exclua a mensagem genérica e perca alguns segundos para dizer como você conhece a pessoa. Ou, diga o que vocês têm em comum. Ou, ao menos seja gentil. A menos que você esteja apenas tentando aumentar seus números, você tem uma boa razão para querer se conectar, então diga qual é. Seja autêntico e amistoso.

Esses são os erros que as pessoas mais cometem na rede social, e você? O que você adicionaria a essa lista de erros mais comuns no LinkedIn?

Via Inc

Write A Comment