Compartilhe:

Quando se trata de SEO, existem muitos guias para iniciantes, eles apresentam as diferenças básicas de SEO On Page e SEO Off Page, a importância do conteúdo original, e etc. Acontece que alguns apresentam como melhores práticas o que na verdade são mitos!

Aqui estão alguns dos mitos do SEO:

Links nas palavras-chave

Você sabia que é melhor usar links na frase exata ao invés de focar em palavras-chave? Aqui está um exemplo:

Ruim: Kapost é uma empresa que fornece serviços com uma plataforma de marketing de conteúdo.

MELHOR: Kapost é uma empresa que fornece serviços com uma plataforma de marketing de conteúdo.

Os resultados do Google quase nunca mudam

Você acha que os resultados no Google nunca mudam? Que a primeira posição nunca será derrubada? Pense novamente.

Mais de 3/4 de todas as respostas do Google mudam de posição (78%) por dia. As empresas alteram seu conteúdo todos os dias e da mesma forma os acessos dos consumidores também mudam.

Quanto mais conteúdo você produz, mais chance tem de se conectar com seu público

Muitas pessoas fazem pesquisas online, mas na verdade a taxa de criação de conteúdo está superando a taxa de pesquisas. O fato é que todos nós só temos 8765 horas em um ano. Se estamos jogando, lendo blogs ou compartilhando nas redes sociais, nosso tempo é inerentemente limitado. Cada nova atividade canibaliza a outra.

Isso ressalta a necessidade de os profissionais de marketing de conteúdo produzirem conteúdo interessante, inovador que agrade os usuários.

O Google ajusta seu algoritmo no máximo duas vezes por ano

Não. Na verdade, o Google atualiza seu algoritmo de 500 a 600 vezes por ano.

Estrategistas de SEO e marketing digital muitas vezes pirar quando o Google anuncia grandes atualizações como Panda ou Hummingbird.

O Google está atualizando seu algoritmo o tempo todo, até 1,64 vezes ao dia, na verdade. O número de mudanças não deveria ser tão assustador, já que ser o melhor motos de busca é o seu negócio principal. Os engenheiros de software sabem que atualizações do produto são frequentes e necessárias.

Você deve utilizar todas as palavras associadas ao seu produto como uma palavra-chave

O monitoramento da posição de cada palavra-chave é um termômetro para a viabilidade orgânica, mas rastrear cada combinação ou permutação de seu produto não vai entregar resultados mensuráveis. A melhor estratégia de palavra-chave é começar com um número razoável de 30. Conforme seu ranking melhora para esses 30, adicione lentamente mais palavras-chave.

Posicionar seu site na primeira páginas de resultados do Google é  bastante

Nem perto disso. Existe uma diferença de 80% nas taxas de CTR entre o primeiro e o décimo resultado na primeira página de resultados. E a chance de alguém clicar para ver a segunda página de respostas do Google é quase zero.

Tags meta devem ser longas e repletas de palavras-chave

O Google é altamente sensível ao spam, táticas de black-hat e excesso de palavras-chave em coisas como alt tags e tags meta pode realmente ser prejudicial para seus esforços de SEO. A melhor prática é manter suas tags meta curtas e interessantes e, pense nos posts do Twitter (140 caracteres). A descrição deve ter linguagem própria e fornecer um contexto autêntico para a página que está descrevendo.

Via Social Media Today

Write A Comment