Compartilhe:

As pessoas frequentemente perguntam: Qual é a diferença entre Inbound Marketing e Marketing de Conteúdo? Você não faz Marketing de Conteúdo? Sim, de fato, mas os termos Inbound Marketing e Marketing de Conteúdo não são propriamente sinônimos. Neste post, vou explicar a diferença entre Inbound Marketing e Marketing de Conteúdo, apresentando os componentes essenciais do Inbound Marketing, e por que você precisa deles.

Marketing de Conteúdo é um componente do Inbound Marketing, mas o Inbound Marketing é muito mais do que o Marketing de Conteúdo.

Inbound Marketing é um conjunto de ferramentas, tecnologias e processos que trabalham em conjunto para gerar tráfego para seu site – e desse tráfego, converter leads em clientes. Dito de outra forma, Inbound Marketing é a maneira que você faz seu site gerar dinheiro para você.

O Que é Marketing de Conteúdo?

No sentido mais amplo, o Marketing de Conteúdo é criar conteúdo para comercializar produtos e serviços. O conteúdo pode ser projetado para veiculação online, como postagens em blogs, infográficos, vídeos e ebooks. O conteúdo também pode ser projetado para catálogos, newsletters impressos ou revistas.

Quando a maioria das pessoas diz “Marketing de Conteúdo”, está se referindo ao conteúdo criado para uso online para direcionar o tráfego do site para o Marketing. Às vezes, essa oferta de conteúdo vai um pouco mais além e inclui whitepapers ou ebooks.

Muitas agências de Inbound Marketing fazem também projetos de Marketing de Conteúdo para seus clientes. O que pode consistir em criar a estratégia, criar conteúdo e/ou fazer a curadoria de conteúdo. Quando pensamos no Marketing de Conteúdo, não é apenas criar textos ou imagens, é algo otimizado para SEO, o conteúdo precisa ser estratégico, partindo de análises e pesquisas. Falando com o público-alvo correto, visualmente atraente e altamente compartilhável. Esse conteúdo, em seguida, é vinculado a um processo de Inbound Marketing.

Para maximizar seu sucesso em atrair visitantes, convertendo aqueles visitantes a leads, e nutrindo-os através do funil para transformá-los em clientes. O conteúdo sozinho pode gerar tráfego, mas não consegue capturar leads ou mover leads para baixo no seu funil de vendas, qualificando-os e eventualmente transformando-os em clientes pagantes. É isso que o Inbound Marketing faz.

Aqui temos então a explicação de porque muitas empresas reclamam que produziram muito conteúdo, mas não conseguiram efetivamente gerar receita com isso. Muitos profissionais oferecem o serviço de Marketing de Conteúdo, mas sem a estratégia de Inbound Marketing, ou pelo menos a criação desse conteúdo pensando no processo de venda. Nesse ponto temos uma lacuna que precisa ser preenchida, ou será dinheiro jogado fora.

O Que é Inbound Marketing?

Inbound Marketing é um conjunto de ferramentas, tecnologias e processos que trabalham em conjunto para direcionar o tráfego para um site, capturar leads e trabalhar para converter esses leads em clientes. O conteúdo é uma parte essencial disso – o conteúdo é o que direciona o tráfego para o seu blog ou mídias sociais, por exemplo.

A diferença está nas ferramentas, nas tecnologias e no processo – para funcionar bem, o Inbound Marketing requer muito mais do que conteúdo. Também precisa de:

Contatos – Capturar contatos, acompanhando os visitantes do seu site ou captando informações de contato em formulários do site.
Oferta – Ofertas de conteúdo especial, como e-books, whitepapers, guias passo a passo ou até mesmo cupons de desconto no site ou blog para capturar informações de contato com esses formulários.
Call to Action – Imagens, botões, que são integrados ao seu site ou blog.
Landing Pages – Conteúdo atrativo, bem organizado e SEO.
CRM – Um local para armazenar, acessar e compartilhar informações dos contato uma vez capturados.
Email Marketing – Essa integração é uma obrigação para que você possa permanecer em contato com os visitantes que optaram por suas ofertas de conteúdo ou se inscreveram no seu blog. Ele permite que você fique em contato com eles e possa movê-los para baixo do funil de venda para transformá-los em clientes.
Automação de Marketing – Ferramentas de automação de Marketing permitem criar fluxos de trabalho e enviar e-mails personalizados a partir de modelos que podem ajudar a equipe de marketing e vendas a manter o engajamento e mover mais leads pelo funil.
Social – É óbvio, se você está publicando conteúdo, precisa de uma ferramenta para promover esse conteúdo em seus canais sociais no momento certo para o público certo.

E mais…

SEO onpage (elementos específicos em cada página do site), SEO onsite (elementos do site como um todo), SEO offpage (otimizações que são feitas fora do site), ferramentas de descoberta e otimização de palavras-chave, análise de tendências nas pesquisas, acompanhamento e monitoramento social, analytics para entender o desempenho do seu site e conteúdo.

Marketing e Vendas

A Importância do Conteúdo

O conteúdo é essencial para o processo de Inbound Marketing, mas o conteúdo por si só não pode conduzir o tráfego, capturar leads e transformar leads em clientes da maneira que o Inbound Marketing faz.

O Inbound Marketing fornece um processo repetitivo que gera resultados consistentes, enquanto as ferramentas e tecnologias de Inbound Marketing facilitam as etapas do processo e ajudam a equipe de Marketing Digital a economizar tempo e a fazer tudo melhor.

O Inbound Marketing é mais focado em usar táticas como o Marketing de Conteúdo para gerar e nutrir leads para uma venda. O Inbound Marketing inclui todos os aspectos do Marketing Digital e Vendas.

Obviamente que é tudo uma questão de termos, muitas empresas utilizam o termo Marketing de Conteúdo quando na verdade estão fazendo apenas uma das faces do conceito, que é apenas a criação do conteúdo, sem uma estratégia clara. Outras indicam que fazem o Marketing de Conteúdo, mas que na verdade estão englobando táticas de Inbound também.

O que achou desse post? Está mais claro agora? Então me conte, quais são os pontos fortes e fracos no seu processo de Inbound Marketing? Escreva nos comentários.

Diagnóstico Gratuito de Marketing Digital

Write A Comment